07/12/2017 (OP) CE perde 553,2 mil linhas de celular - CDL Fortaleza

Clipping

07/12/2017 (OP) CE perde 553,2 mil linhas de celular

O Ceará perdeu 553.247 mil linhas móveis em um ano, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Em outubro de 2016, existiam cerca de 10 milhões de unidades no Estado, número que caiu para 9,5 milhões em igual período deste ano, redução de 5,50%.

A queda no Ceará foi segunda maior entre os estados, atrás apenas da Bahia (-5,78%). Na terceira colocação, aparece Alagoas (-5,37%).

Em relação a setembro, o recuo no Estado, em outubro, foi de 0,11%. A Anatel registrou perda de 10.752 linhas de um mês para o outro. A quantidade saiu de cerca de 9,51 milhões para 9,50 milhões.

No Brasil, a telefonia móvel registrou em torno de 240,85 milhões de linhas em operação em outubro de 2017. Em relação ao mês anterior, o serviço móvel pessoal teve perda de 212.274 linhas (0,09%). Nos últimos 12 meses, houve redução de aproximadamente 6,60 milhões linhas (-2,67%).

Do total de linhas móveis do País, 155,05 milhões são pré-pagas e 85.792.157 são pós-pagas. No mês de outubro de 2017, quando comparado ao mês anterior, as linhas móveis pré-pagas apresentaram queda de 1,28 milhões unidades (0,82%) e as pós-pagas crescimento de 1,07 milhão (1,26%). Em 12 meses, o pré-pago registrou diminuição de 15,06 milhões de linhas (8,85%) e o pós-pago alta de 8,46 milhões (10,94%).

Na comparação de outubro com setembro de 2017, dos grupos acompanhados nominalmente pela Anatel, Datora, Claro,Vivo eOi registraram crescimento inferior a um por cento, as outras apresentaram prestadoras da telefonia móvel redução.

Nos últimos 12 meses, a Datora teve alta de 95.247 linhas móveis (97,26%), a Nextel de 100.813 (4,01%), a Porto Seguro de 177.569 linhas (44,93%) e a Vivo de 1.139.657 (1,55%). Os outros grupos acompanhados pela Anatel tiveram redução.

Endereço: R. Vinte e Cinco de Março, 882 - Centro, Fortaleza - CE, 60060-120 | Telefone: (85) 3464.5506